Home Notícias Sindicatos reivindicam reunião com Alckmin sobre Embraer

Sindicatos reivindicam reunião com Alckmin sobre Embraer

SHARE
Lançamento da Campanha “A Embraer é Nossa. Não à venda para a Boeing”. Na foto, os dirigentes sindicais Paulo Sérgio Frigere (Araraquara), Herbert Claros (são José dos Campos) e Fabiano Roque (Botucatu) – (16/1/18)

O Sindicato dos Metalúrgicos de Botucatu entregou para o governador Geraldo Alckmin (PSDB), em mãos, uma carta com pedido de reunião para discussão sobre a possível venda da Embraer para a Boeing.

A entrega foi feita em São Paulo, no sábado (24), em nome dos três sindicatos que estão à frente da campanha “A Embraer é nossa” (São José dos Campos, Botucatu e Araraquara). Na carta, as entidades afirmam que é necessário um amplo debate regional e nacional em que se discutam desde os impactos sociais até a soberania nacional.

“A discussão sobre tal transação tem grande relevância ao país e não deve ser tratada apenas como um simples negócio que só atenda aos interesses de acionistas e do mercado”, diz um trecho da carta.

Os três sindicatos estão em campanha contra a venda da Embraer e em defesa da soberania nacional. As três regiões sediam plantas da fabricante de aviões brasileira.